Qual é a melhor dieta para ter um bom cabelo?

Qual é a melhor dieta para ter um bom cabelo?

Para exibir um cabelo saudável com cores intensas é necessário um bom mix entre um produto confiável e uma boa alimentação.

Quando se fala de estética talvez não tenha mulher no mundo que não se interesse, já que tem a ver com a roupa e com os penteados. Últimas modas, formas renovadoras de arrumar o cabelo, estilos joviais ou senhorios, looks ousados ou conservadores. Tudo vale para que a mulher se veja mais sensual, só é necessário encontrar a combinação que melhor se sente cada uma.

E neste sentido, existe um ponto capaz de mudar tudo: a cor do cabelo. Um bom corte com uma cor que não se encaixa com a pessoa adequada deixa de ser um bom corte, da mesma maneira que uma boa cor pode mostrar inclusive as imperfeições de um penteado. Os tons fazem armadilha, dão personalidade, concedem vida ao primeiro impacto da olhada. E dão personalidade como poucos elementos em termos de acessórios.

Porém tem que ser precavido, porque o cabelo tem que cuidar, não é questão de submetê-lo a crueldades e produtos químicos só pelo fato de estar bonita uma ou duas noites. É aí quando tem que escutar os expertos.

A princípio, o mais importante é utilizar produtos para a cor de cabelos conhecidos, respaldados por uma marca e uma história como Koleston. Também pode-se utilizar uma espuma para a cor do cabelo. De esta maneira temos a garantia de que uma de nossas armas mais sensuais, o cabelo, não se prejudicará.

E depois, tem que dá-los uma boa dieta. Como isso? Simples: para que o cabelo esteja saudável, é importante comer saudavelmente, uma ingestão que inclua sobre tudo hidratos de carbono e proteínas. E aqui é necessário informar sobre que minerais e vitaminas são recomendáveis. Para saber:

O grupo de vitaminas A (leite, ovos, peixes, fígado, entre outros) faz forte as raízes do cabelo e promove seu crescimento. Isso não se deve exceder porque pode ser contraprudente. O grupo de vitaminas E (frutos secos, brócolis, espinafre, ovos, gérmen de trigo, cereais) tonifica o cabelo e aumenta a circulação do sangre. O grupo de vitaminas H(arroz, fígado, leite, cereais com aveia, soja, amendoim, cevada) capta a oleosidade que se pode gerar no couro cabeludo e transforma em elasticidade. O grupo de vitaminas B (frango, carne, peixe, gema de ovo, cereais integrais, vegetais, levedura de cerveja) ajuda para que o cabelo não caia nem perca sua cor natural, e o faz mais forte. O grupo de vitaminas E (cítricos, batata, melão, abacaxi, kiwi) mantém saudável a pele do couro cabeludo.

Os minerais (zinco, potássio, ferro, cobre e selênio), por sua vez, nutrem o cabelo e dão brilho e vida.

Artigos relacionados